expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

23


Esse numero tem me perseguindo muito faz algum tempo...

   Um amigo me mostrou um filme que se chama: 23 que tem o  Jim Carrey como ator principal do filme. (Colocar previa do filme) Gostei muito desse filme, mas acabei sendo perseguido por esse numero, aonde eu olho o maldito numero tem que estar lá, na hora que vou escrever os post’s , na hora de olhar a hora, na hora de ir tomar café nas placas dos carros, em todos os cantos possíveis.
    
Quando eu acabei de ver o filme, eu fiquei estranho, fiquei olhando para os lados, senti alguém perto de mim, e acho que era ele, 23.
  
Não é paranóia da minha cabeça, ele não é somente um numero qualquer, com certeza não é, eu preferi perder um ônibus que tinha a numeração de 323 que se você não percebeu 32 aon contrario é a mesma coisa que 23, e ainda tem o 23 na frente do 32. As vezes eu acho que um filme pode mudar a vida de uma pessoa  em um pisacar de olhos, e sempre mostrando que no final nós só somos marionetes.

Somos tão marionetes, que somos vítimas dos nossos propios atos...

14 comentários:

  1. Ou são 23:23 min rsss...
    Brincadeira.
    Ou
    seu blog é sinistrão! rsss dá medo
    mas é legal!
    Gostei
    sorte!
    Fabio durso!

    ResponderExcluir
  2. Você gostou mesmo do filme, hein? Eu dormi quando assisti. Sorte a minha...

    ResponderExcluir
  3. Bom, ateh que enfim, alguém com a mesma paranóia que eu. Depois que vi o filme, comecei a notar tudo isso, inclusive ontem...ontem eu estava a pensar sobre isso, fui dormir eram 23:23, acordei assustada por um pesadelo às 03:23, a somatória do meu nome pela tabela lógica dá 23...e olha eu aqui, vim parar num blog, justamente com um post falando do 23.

    ahh cara, isso me persegue, já desisti de entender.

    Um abraço

    M!sunderstood

    ResponderExcluir
  4. Somos marionetes de nós mesmos, uma vez que "nós mesmos" somos as outras pessoas, e as outras pessoas são o que a elite mundial quer delas.

    Abraço!

    http://anpulheta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Penso que o 23 sempre existiu, tanto para você quanto para mim. A diferença é que você passa a observá-lo melhor e a procurá-lo...

    Faça um teste: Procure uma mulher grávida na rua. Se você reparar bem, vai achar um monte de grávidas...

    Pode ser um objeto, uma marca de carro, sei lá, apenas tente...

    ResponderExcluir
  6. No meu relogio marcam 23:42 sabe o q isso ker dizer? .... NADA, exatamente PN! Então desencana e vai assistir MEU MALVADO FAVORITO para vc dormir melhor. Os comentários sobre o filme estão no www.cinemeirosnews.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Realmente esse filme é muito louco, e no final, a sensação que fica é exatamente a que vc constatou... QUe nós somos condicionados a fatores externos, e acabamos de fato sendo marionetes ....

    http://estacaoprimeiradosamba.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Bicho,
    desencana desse negócio. Vá ouvir o álbum The number of the beast do Iron Maiden e vai que tu fica com o 666 na cabeça......

    Abraço

    ResponderExcluir
  9. aaaaaaaaaaaafff nada vê oq esse william disse mas enfim....amorr vc é foddaa!!!! e por culpa sua esse 23 não sai mais de mim....

    te amo bb!

    =*

    ResponderExcluir
  10. Oi querido, tudo bem?

    Estou sempre vindo aqui, o gadget de seguidores de vários blogs está apresentando problemas, e o meu foi um dos afetados. A google diz que em breve solucionará o problema...tenso demais.

    Muito bom seu blog, um beijo!

    ResponderExcluir
  11. massa pakas o post ;D

    SURTUR RISING TA VINDO SEUS POHA !!

    ODEN!GUIDE OUR SHIPS ! THE AXE AND SPEARS AND SWORDS! GUIDE THOUGHT STOMS THAT WHIP!
    AND IN BRUTAL WAAAAAAAAAAAAAAAARRRR!!!

    ResponderExcluir
  12. HEHE, isso éh a mais pura verdade, tambem jáh fiquei com muitas paranoias por causa de filmes, e alguns filmes ai me mostraram varias coisa que antes eu nem percebia.
    E CUIDADO COM O NUMERO 23 !
    KKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir